A Organização Cultural Remanescentes de Tia Ciata (ORTC), fundada em 2007 por descendentes de Hilária Batista de Almeida (1854-1924), tem como missão a promoção da cultura e a conservação do patrimônio histórico e artístico, através de atividades culturais, direcionadas à educação, saúde, defesa da mulher, desporto e meio ambiente. Sua presidente Gracy Mary Moreira, bisneta de Tia Ciata, representa quatro gerações inseridas de corpo e alma no florescimento da cultura afro-fluminense.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Cerimônia de Instalação do Grupo Permanente de Trabalho de Enfrentamento à Intolerância e Discriminação Religiosa para a Promoção dos Direitos Humanos

A Cerimônia de Instalação do Grupo de Trabalho Permanente de Enfrentamento a Intolerância e a Discriminação Religiosa para a Promoção dos Direitos Humanos e de posse de seus membros, que será realizada no dia 02 (dois) de fevereiro do corrente ano, 15h, no auditório do 7° andar do Prédio da Central do Brasil, na Praça Cristiano Otoni, S/N°, Centro, Rio de Janeiro, RJ.

O 1° Seminário Estadual de Liberdade Religiosa e Direitos Humanos do RJ, realizado pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos, através da Superintendência de Direitos Individuais, Coletivos e Difusos, realizado no dia 18 de dezembro de 2009, na sede da seccional RJ da Ordem dos Advogados do Brasil foi indicado pelos mais de 200 participantes de 12 credos religiosos e entidades de Direitos Humanos, a necessidade de se criar, entre a sociedade civil e o poder público, um grupo de trabalho permanente para o diálogo e a construção de políticas públicas de enfrentamento à intolerância e a discriminação religiosa.

A partir dessa indicação, o Secretário de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos, o Sr. Rodrigo Neves, criou, através de resolução nº 401, de 21 de dezembro de 2011, o Grupo de Trabalho Permanente para Enfrentamento a Intolerância e a Discriminação Religiosa para a Promoção dos Direitos Humanos - GTIREL, que será coordenado pelo Superintendente de Direitos Individuais, Coletivos e Difusos, o Sr. Cláudio Nascimento Silva.

O GTIREL-RJ, formado por 32 membros do poder público e da sociedade civil, conta com representações de 16 segmentos religiosos, grupos e/ou sociedades tradicionais, 03 especialistas/estudiosos e 06 entidades de direitos humanos e tem dentre a suas finalidades: articular, elaborar e acompanhar o Plano Estadual de Enfrentamento da Intolerância e da Discriminação Religiosa para a Promoção dos Direitos Humanos; acompanhar, monitorar e avaliar a implementação das políticas públicas para o enfrentamento da intolerância e discriminação religiosa para a promoção dos direitos humanos; desenvolver ação integrada e articulada com o conjunto de Secretarias e demais órgãos públicos, visando à implementação de políticas públicas comprometidas com a superação das intolerâncias e demais discriminações religiosas; prestar assessoria ao Poder Executivo, emitindo pareceres, acompanhando, monitorando, fiscalizando e avaliando a elaboração e execução de programas de governo no âmbito estadual; encaminhar denúncias que envolvam fatos e episódios discriminatórios contra os diversos segmentos e tradições religiosas, encaminhando-as aos órgãos competentes para as providências cabíveis, além de acompanhar e monitorar os procedimentos pertinentes.

Por esse motivo, sua participação é importante para continuarmos juntos na construção da agenda de cultura de paz, dos direitos humanos e pela liberdade religiosa.

Colocamo-nos a disposição para quaisquer esclarecimentos através dos telefones (21) 2334-9561, 2334-9562.

Nenhum comentário:

Postar um comentário